sábado, 13 de novembro de 2010

A RBR vai perder o titulo de pilotos

 

166423Depois da corrida em Interlagos, Weber, Vettel e Alonso têm condições de ganhar o titulo, mas a RBR quer o alemão campeão
Por: Edison Ragassi
A pista seletiva de Interlagos e o clima instável fez o alemão Nico Hulkenberg (Williams) ganhar seus 15 minutos de fama, pois ele conquistou a pole no GP brasileiro.166429
Na largada, Hulk (como é chamado pelo companheiro Barrichello), não conseguiu manter a liderança nem até a entrada do S do Senna. Sebastian Vettel (RBR) que vinha logo atrás passou sem pestanejar e o mesmo fez Mark Webber (RBR). Fernando Alonso (Ferrari) demorou um pouco mais e também fez a ultrapassagem.
Ai o que se viu foi uma constante perseguição, que no final levou os três ao pódio. 
Mas o GP brasileiro não foi só isso. Aconteceram várias ultrapassagens, toques, disputas acirradas no pelotão intermediário e os brasileiros Felipe Massa (Ferrari) e Rubens Barrichello (Williams) sendo atrapalhados por erros das respectivas equipes. E Felipe no final foi pra cima para dar um show, tocou rodas, saiu da pista, voltou. Tudo isso pra mostrar que ainda é competitivo.166379
O que para muita gente ficou claro é que a RBR não está fazendo o mínimo para deixar Webber ser campeão, eles querem Vettel e o pior é que o discurso é de não dar preferência e isso é mais feio ainda que pedir para um piloto deixar o outro passar, igual ao que faz a Ferrari.
Só que na última prova do ano em Abu Dabi, eles não podem deixar acontecer o mesmo que em Interlagos, pois assim Alonso será campeão e a equipe que tem o melhor carro da temporada vai nadar, nadar e morrer na praia. Difícil de acontecer? Não é não. 166361
A Ferrari já fez isso, não deixou Eddie Irvine ser campeão em 1999, porque o titulo tinha que ser de Schumacher e o alemão estava afastado porque quebrou a perna.
Vamos ficar na expectativa, de qualquer maneira, Abu Dabi promete. Teremos Alonso, Webber e Vettel com a faca entre os dentes, vai sair faísca.
Rapidinhas
Poder econômico
Lucas di Grassi e Bruno Senna correm atrás de patrocínio para continuar na F-1 o ano que vem. Não passou da hora de empresas nacionais apoiarem estes talentos? Afinal o Brasil vive seu melhor momento econômico e nossas empresas precisam botar a cara pra fora, deixar de lado o complexo de vira-lata e a F-1 é uma ótima oportunidade para isso.
Tudo acontece com ele I
Rubens Barrichello mais uma vez não conseguiu pontuar em Interlagos. “Tive de fazer uma parada que precisa ser investigada. Eu estava feliz com minha corrida, mas infelizmente, após uma de minhas ultrapassagens em Alguersuari, ele destruiu o pneu da frente e tive de parar de novo”, explicou desolado.
Tudo acontece com ele II
Uma temporada para ser esquecida, assim pode ser definido o ano de 2010 para Felipe Massa. Ainda como se não bastasse uma roda de seu carro soltou-se sozinha na primeira parada. "Fiquei chateado, foi um problema que a gente chama de ''dado'', entrou como deveria e se soltou sozinho. O pneu estava solto na reta, balançava, ia para o lado, tinha que virar todo o volante para fazer a curva. O carro não andava, menos mal que a roda não caiu", falou Felipe após a corrida.

Postar um comentário