quinta-feira, 13 de janeiro de 2011

Cuidado com as enchentes!

enchente-oslaim-1Por falta de educação da população, que joga cada vez mais lixo nas ruas, e também descaso do poder público, pois não toma medidas preventivas, apesar de receber os impostos para realizar estes serviços, as enchentes passaram a ser uma constante no período de chuvas. E quando o carro fica preso e não consegue sair de um alagamento, o conserto pode custar até R$ 1.200,00. A projeção é feita por Denis Marum, engenheiro mecânico e diretor da Chevy Auto Center. “As chuvas danificam a parte elétrica e também toda parte interna – carpete e bancos. O melhor, no verão, é estar preparado para ações preventivas como trocar a palheta do pára-brisa ou ter certeza que a bateria está em bom estado, porque há sobrecarega com a parte elétrica (farol acesso, desembaçador traseiro acionado e o rádio ligado para saber qual melhor alternativa de trânsito)”. O engenheiro dá dicas dos itens a serem verificados para enfrentar os dias de chuva:
-     palhetas do pára-brisa (não podem estar ressecadas);
-     água do esguicho deve ter líquido desengordurante;
-     luzes das lanternas devem estar em perfeito estado;
-     pneus não devem estar carecas;0
-     verificar o sistema de freios;
-     desembaçadores (traseiro e dianteiro) devem estar funcionando;
-     borrachas das portas devem estar em bom estado para vedar a entrada de água;
-     a bateria deve estar bem carregada.
Denis Marum fala que o melhor é evitar entrar em áreas alagadas. “Fique atento ao noticiário de rádio para saber como evitar as áreas alagadas. Não enfrente a enchente achando que pode ultrapassá-la. Como os veículos têm os comandos elétricos, é muito fácil o carro dar pane e você ficar no meio da água”. Mas, em caso de estar em local onde a água subiu rápido, procure:
-     A altura máxima, para passar numa área alagada, é a metade da roda.
-     Acelerar o carro durante toda travessia.
-     Passar alagamentos em 1ª marcha e devagar (porque a aceleração do carro evita a entrada de água pelo escapamento).
-     Evite marola para que a água não alcance a entrada do filtro de ar, verifique a passagem de caminhões e carros ao seu lado ou em sentido contrário.images
- Se o carro morrer, não tente fazê-lo pegar. Peça ajuda, chame um guincho e retire-o do local onde está parado.
E para quem foi vítima de alagamentos e o carro ficou na água, é preciso ser rápido na manutenção interna do veículo e também nos cuidados com o motor. “Depois de enfrentar a enchente, o carro precisa ir para uma oficina e passar pela verificação detalhada e lavagem interna completa, senão a perda e a desvalorização serão ainda maiores. Consulte o seguro ou leve numa oficina de confiança, mas não perca tempo. O prejuízo pode ser acima de mil reais e muitos casos pode dar perda total”, comenta Marum.
Após um carro ficar na enchente é importante:oficina-blog1
-     Trocar os óleos do motor, transmissão e diferencial do veículo.
-     Limpar a parte externa do radiador.
-     Verificar o filtro de ar e água nos faróis.
-     Fazer limpeza no sistema de freios.
-     Limpeza interna: lavar bancos, carpete e forrações para evitar o mau cheiro.
Também é importante lembrar que antes de tudo o que precisa ser preservada é a vida. Cuide primeiro da sua segurança e da dos ocupantes do veículo.
  A CHEVY AUTO CENTER, oficina de Denis Marum está localizada na  rua Guaicurus, 921. Fone: (11) 3875 7099

Postar um comentário