quarta-feira, 25 de maio de 2011

Chegou o C3 Picasso

shot_03_Cores

Citroën lança monocab derivado do Aircross, ele chega com apelo de veículo urbano, motor 1.6 Flex, transmissão manual ou automática e preços de peças e serviços competitivos
Por: Edison Ragassi
Fotos: Divulgação 
Em São Paulo a Citroën reuniu a imprensa especializada, dia 25/05, para mostrar o C3 Picasso, novo carro da marca fabricado em Porto Real (RJ).
O monocab é a versão requintada do aventureiro urbano Aircross. Do irmão descolado ele herdou as formas, baseada em um cubo, a arquitetura e o trem de força, sua diferença é a opção de câmbio automático.
shot_01_Cores

Na dianteira, o conjunto ótico é grande, parece integrar a carroceria, os chevrons, símbolo da marca, forma a grade frontal e acima no lado esquerdo a assinatura ‘Picasso’.
Visto de lateral, o teto é reto com as pontas arredondadas, ampla área envidraçada, vincos nas regiões das maçanetas, protetores na parte inferior das portas. Completa o conjunto as rodas de liga-leve 16 polegadas com pneus 195/55 R16 87V.
shot_05_Cores

E na traseira, as lanternas estão colocadas nas colunas, o vidro é arredondado e a roda sobressalente não está exposta como no Aircross. Assim a tampa recebeu no centro o Chevron, na esquerda aparece o logo ‘C3’ e assinatura ‘Picasso’, a placa de identificação foi colocada na direita.
Shot_09_Cores

Em dimensões o novo Citroën tem 4.092 mm de comprimento, 1.723 mm de largura, o entre-eixos é de 2.540 mm e a altura da carroceria 1.624 mm. A capacidade volumétrica do porta-malas é de 403 litros em posição normal e 1.500 litros com os bancos traseiros rebatidos.
No interior o painel usa formas arredondadas e quadro de instrumentos analógicos, dependendo da versão, as forrações dos bancos são em tecido ou couro.
Motor

Usa motor 1.6 16V Flex, quatro cilindros com 113 cv (E)/ 110 cv (G) a 5.800 rpm e torque de 14,5 kgfm (G) a 4.000 rpm e 15,8 kgfm (E) a 4.500 rpm. Também tem duas opções de transmissão, manual com cinco velocidades e automática sequencial AT8 de quatro marchas.
Câmbio Manual

Na versão GL o preço sugerido para venda do C3 Picasso é de R$47.990, sai de fábrica com: Direção assistida, ar-condicionado, pneus Pirelli P7 195/55 R16, para-choque dianteiro e traseiro na cor do veículo, computador de bordo, vidros dianteiros e retrovisores externos com acionamento elétrico, chave Plip com comando de abertura das portas, aviso de não utilização do cinto de segurança do motorista, programação de travamento automático das portas com o veículo em movimento e porta-malas com travamento elétrico, bancos traseiros rebatíveis 1/3 e 2/3, porta-luvas refrigerado e com iluminação, tomada 12V
Espaço Interno

A intermediária GLX custa R$50.400(Manual), além dos itens da GL conta com: Rodas de liga-leve, maçanetas externas das portas prata ou na cor do veículo retrovisores exteriores na cor do veículo, vidro dianteiro para condutor com dispositivo "um toque" e antiesmagamento vidros traseiros elétricos, faróis de neblina dianteiros, regulagem de altura do banco do motorista, Rádio/CD Player com comando no volante, MP3 e entrada para iPod, mesas "tipo aviação" para os bancos traseiros, banco do motorista com regulagem manual de altura, bancos dianteiros com bolsa porta-revista, indicador de temperatura externa no rádio, travamento elétrico para vidros traseiros no painel,  entre outros. Como opcional, airbag duplo frontal.  
Acabamento teto

A GLX Automática custa R$53.900, além dos equipamentos presentes na versão GLX manual, possui de série sistema de freios com ABS + EBD e acendimento automático do pisca alerta em caso de frenagem de urgência. Como opcional, airbag duplo frontal.
Volante

E a topo de linha, Exclusive sai por R$57.400 (Manual) / R$60.400 (Automática), ela traz de série: Ar-condicionado digital, revestimento dos bancos em couro/3D, Rádio Pioneer for Citroën com kit viva voz Bluetooth, uma entrada USB + iPod, airbag duplo (frontal), piloto automático e limitador de velocidade, volante revestido em couro e com detalhes cromados, sensor de estacionamento traseiro, acendimento automático de faróis, para-brisa com sensor de chuva, apoio de braço central dianteiro (2), alarme (com 2 plips de abertura das portas à distância), manopla do câmbio esportivo ZAMAC, retrovisores exteriores cromados, entre outros. Como opcionais a versão oferece airbags de tórax laterais dianteiros e sistema de navegação MyWay com tela colorida de 7”.
Painel 2

Pronto para enfrentar Chevrolet Meriva, Fiat Idea, Honda Fit, Nissan Livina e Kia Soul, o C3 Picasso recebeu atenção especial da área de pós-vendas. O modelo é comercializado com três anos de garantia e revisões com preços fixos. Pela revisão de 10.000 km é cobrado 3 parcelas de R$ 99,00, a de 20.000 km sai por 3 x R$ 160,00, na de 30.000 km o custo é de 3 x R$ 175,00. A revisão de maior valor é a feita aos 60.000 km com preço de 3x R$ 250,00.
SAOPAULO_ALTA_2404

As peças de reposição também foram confrontadas com os concorrentes. “Nosso custo de peças é 18% menor que o dos principais concorrentes”, revela Sérgio Rodrigues, diretor de pós-venda da Citroën. Assim, o amortecedor dianteiro e traseiro do C3 Picasso tem preço máximo sugerido de R$ 206,62, os discos de freios custam 316,15 e as pastilhas R$ 216,90. Pela correia do alternador é cobrado R$6 3,15, o filtro do ar sai por 43,89, o de combustível R$ 23,28 e o anti-polém (filtro de cabine) R$ 54,96.
O C3 Picasso também tem apelo ecológico, pois segundo divulgado pela fabricante, 85% da matéria-prima utilizada em sua construção é reciclável.

Postar um comentário