sexta-feira, 13 de maio de 2011

Sandero ganha novo visual

Novo_Sandero__e__Novo_Sandero_Stepway_Imagem_48Hatch da marca francesa recebe mudanças estéticas e de conteúdo para continuar competitivo no mercado
Texto: Edison Ragassi
Fotos: Divulgação
Sem alterações na arquitetura ou parte mecânica, a Renault do Brasil mostrou para a imprensa especializada em Florianópolis o Novo Sandero, dia 11 de maio.
Novo_Sandero_Imagem_31

Por fora os designers imprimiram uma nova identidade visual ao hatch. Os faróis são novos, assim como a grade frontal e os pára-choques. Este conjunto é semelhante com o usado no Fluence. Na traseira, a identificação do carro foi para o centro da tampa do porta-malas.
Novo_Sandero_Imagem_37

E o interior ganhou novos materiais, cores e texturas, também mudou o painel de instrumentos. A parte central tem cor preta brilhante, onde é acoplado o novo sistema de som. Atendendo pedido dos clientes, os comandos dos vidros elétricos saíram do painel e foram colocados nas portas.

Novo_Sandero_Imagem_69O modelo é comercializado nas versões Authentique e Expression com motor 1.0L 16 válvulas Hi-Flex. Este propulsor entrega 76 cv (gasolina) e 77 cv (etanol). Seu torque é de 9,9 kgfm (G) e 10,1 kgfm (E). Já o motor 1.6 8V Hi-Torque, com potência de 92 cv (G) e 95 cv (E) tem como principal característica o torque de 13,7 kgfm (G) e 14,1 kgfm (E) disponíveis a 2.850 rpm, ele equipa a opção de acabamento Expression e Privilège.
E o aventureiro urbano Stepway usa motor 1.6 16V Hi-Flex, com 112 cv (E)/ 107 cv (G), disponíveis a 5.750 rpm e 15,5 kgfm (E) / 15,1 kgfm (G) disponíveis 3.750 rpm de torque.
Este propulsor usa duplo comando de válvulas no cabeçote (DOHC, do inglês, double overhead camshaft). Um comando aciona as válvulas de admissão e o outro, as de escape, para favorecer a combustão. O balancim é roletado, uma solução usada para reduzir o atrito entre as peças móveis e consumo.
Novo_Sandero_Stepway_47

Todas as versões usam transmissão manual de cinco marchas, produzida no Chile, mas no evento foi confirmado que a fabricante francesa prepara uma versão do Sandero com câmbio automático.
A suspensão dianteira é do tipo McPherson, com triângulo inferior, amortecedores hidráulicos telescópicos e molas helicoidais e a traseira usa rodas semi-independentes, com barra estabilizadora. A versão Stepway tem suspensão elevada para reforçar a robustez e o apelo de aventureiro urbano.
Novo_Sandero_Stepway_28Apesar das mudanças, os preços foram reposicionados para baixo. A versão de entrada Authentique 1.0L 16V, passou de R$ 29.700 para R$ 28.600. A Expression 1.0 16V agora custa R$ 31.300, antes era R$ 32.440. Com motor 1.6L 8V a opção Expression saia por R$ 34.740 e agora o custo é de R$ 33.600. A opção topo de linha Privilège também 1.6 8V custava R$ 41.490  e foi para R$ 40.400. A maior redução ocorreu na versão Stepway com motor 1.6 16V, pois passou de R$ 45.690 para R$ 42.600.
O Novo Sandero e o Novo Sandero Stepway  são comercializados com três anos de garantia total de fábrica ou 100.000 quilômetros (o que ocorrer primeiro). A Renault ainda oferece o programa “Revisão Preço Fechado”, que permite ao proprietário saber com antecedência exatamente quanto vai gastar com peças e mão-de-obra. O valor é fixo e válido para toda a rede de concessionárias da Renault no Brasil.

Postar um comentário