domingo, 10 de junho de 2012

Inflação do Carro fica estável em maio

Aumento foi insignificante: 0,05%. No ano, rodar e fazer a manutenção ficou 0,54% mais caro. Gasolina e álcool caíram de preço; pneus e estacionamento subiram.

A Inflação do Carro da Agência AutoInforme manteve-se estável em maio, com uma variação de insignificantes 0,05%. O ritmo do aumento do custo de uso e manutenção do carro é lento este ano, com aumento de apenas 0,54% em cinco meses (janeiro a maio).

A gasolina foi o item que teve a maior queda em maio, ficando 1,11% mais barata. Outro item que teve queda expressiva foi o jogo de velas, que ficou 0,51% mais barato, seguido pelo etanol, que caiu 0,31%.
Os combustíveis representam o maior gasto do motorista com o carro. Dos R$ 996,90 gastos em maio entre peças, serviços, impostos de circulação, seguros e combustíveis, álcool e gasolina representaram 31,5%, ou R$ 314,03.

A maior alta de preço foi da pastilha de freio (0,91%), seguida pelos pneus, que ficaram 0,79% mais caros.

Estacionar o carro continua um tormento para o motorista: foi o item que mais subiu nos últimos anos. Com as vendas em alta, mais carros nas ruas e maior dificuldade para estacionar, os preços praticados estão cada vez mais altos. Estacionar por período de duas horas ficou 0,71% mais caro no mês e entre janeiro a maio o serviço subiu 4,22%.

Na média, os serviços ficaram 0,51% mais caros, o seguro do carro subiu 0,40% e as peças de reposição tiveram alta de 0,13%.

Inflação do Carro
    Os preços que mais caíram
(Maio/2012)
Gasolina                            -1,11%
    Franquia de seguro        -0,97%
    Jogo de velas                  -0,51%
    Fonte: AutoInforme

Inflação do Carro

Os preços que mais subiram
(Maio/2012)
Pastilhas de freio            0,91%
    Pneus                        0,79%
    Estacionamento 2h      0,71%
Fonte: AutoInforme

Postar um comentário