quinta-feira, 28 de junho de 2012

Lançamentos: Chevrolet Spin

DSC_315Modelo fabricado no Brasil tem opção para sete ocupantes, compartilha arquitetura com o Cobalt e será vendido em 40 países

Por: Edison Ragassi

Fotos: Divulgação

Em São Paulo, a General Motors do Brasil, apresentou para a imprensa especializada brasileira dia 29 de junho o Chevrolet Spin.O modelo é um MPV, ou seja, veículo para múltiplas funções. Seu visual segue a linha adotada nos carros da marca desde a chegada do Captiva em 2008, frente com a grade cortada por uma barra e a ‘gravata’ dourada símbolo da marca ao centro, os faróis são grandes integrados aos para-lamas.

DSC_0669

Na lateral, área envidraçada generosa, os vincos estão acima das maçanetas e no centro das portas. E a traseira usa vidro côncavo, vinco na tampa, o para-choque integra o conjunto como uma só peça, as lanternas invadem as laterais.

DSC_6051

Fabricado na mesma arquitetura do Cobalt (outro modelo da família é o Sonic), é equipado com motor 1.8 Econo.Flex de oito válvulas. Segundo a GM, este propulsor é uma evolução do 1.4L utilizado no sedã Cobalt, ele entrega 108 cavalos com etanol e 106 cv ao usar gasolina, ambos a 6.200 rpm. O torque é de 17,1 kgfm (E) e 16,4 kgfm (G) disponíveis a 3.200 rpm. A fabricante ainda ressalta que 90% do torque está disponível entre 2.500 e 4.700 rpm.

DSC_9663

O interior é espaçoso, o painel de instrumentos mistura informações analógicas e digitais. Tem comprimento total de 4.360 mm, para uma distância entre eixos de 2.620 mm, a largura total da carroceria é de 1.953 mm e altura mínima do solo de 136 mm.

DSC_9654

A suspensão dianteira é independente do tipo McPherson com molas helicoidais, amortecedores telescópicos pressurizados e barra estabilizadora. A traseira é semi independente, com eixo torção, barra estabilizadora no eixo traseiro, as molas e amortecedores são iguais as da frente.

Projetado para ser um veículo de uso urbano é comercializado na opção LT com câmbio manual de cinco velocidades (F17 Geração 1.5) ao preço de R$44.590. A mesma versão com rodas de alumínio de 15 polegadas e sistema de som com rádio AM/FM, MP3, tocador de CD e Bluetooth vai a R$45.990. E a opção LT com câmbio automático de seis velocidades (GF6) custa R$49.690.

DSC_6134

A topo de linha LTZ de transmissão manual custa R$50.990 e tem a terceira fileira de bancos, o que permite transportar até sete pessoas. E a LTZ com transmissão automática de seis velocidades custa R$54.690. Em ambas as carrocerias, o porta-malas é generoso, 162 litros ao transportar sete pessoas. Com cinco, ela vai a 710 litros, e pode chegar até 1.668 litros, com os bancos da fileira central rebatidos.

DSC_1190

Todas as opções saem de fábrica com ar-condicionado, direção hidráulica, travas elétricas, air bag duplo, freios com ABS e EBD. Por compartilhar a arquitetura com outros modelos (Cobalt e Sonic), peças de reposição como discos e pastilhas de freios são iguais, porém os amortecedores e molas têm cargas diferentes.

A expectativa da General Motors é a de comercializar em média 3.000 unidades por mês do Chevrolet Spin que é vendido com três anos de garantia.

Postar um comentário