domingo, 15 de julho de 2012

Lançamentos: Nova Ranger

NOVA RANGER (46)Picape média da Ford tem visual robusto, chega com três tipos de motores, dois a diesel e um flex, e duas opções de transmissão, manual e automática de cinco ou seis velocidades

Texto: Edison Ragassi

Fotos: Divulgação

Em Salta, interior da Argentina, a Ford reuniu a imprensa especializada sul americana e apresentou a Nova Ranger, o evento aconteceu dia 30 de junho.

NOVA RANGER (34)

O visual robusto lembra o utilizado no Edge, para-brisa inclinado, a grade é ampla com três barras cromadas e o símbolo oval da Ford no centro. A grade inferior tem ao lado os faróis de neblina que são integrados ao para-choque.

NOVA RANGER (44)

Na lateral, a área envidraçada é grande, os vincos cortam as portas na região das maçanetas e no centro das portas.

NOVA RANGER (47)

A traseira tem as lanternas embutidas nas colunas e a tampas ostenta o símbolo da Ford e a palavra ‘Ranger’.

COMPUTADOR DE BORDO

O interior é amplo, iluminação do painel na cor azul, grandes mostradores que misturam informações analógicas e digitais.

DETALHE MOTOR

São três os tipos de motores que equipam a nova picape média: Duratorq 3.2 Diesel I5 de 20 válvulas e cinco cilindros, com 200 cv de potência e torque de 45,9 kgfm. O Duratec 2.5 Flex, de 168 cv (G) e 173 cv (E), e torque de 24,1 kgfm (G)/ 24,8 kgfm (E). E o 2.2 Diesel destinado para venda a frotistas. As transmissões também são novas, uma automática de seis velocidades e duas manuais de cinco ou seis marchas.

NOVA RANGER NA AREIA

A suspensão dianteira é independente, com molas helicoidais e barra estabilizadora. Já a traseira usa eixo rígido com feixe de molas longitudinais. A direção é hidráulica, com mecanismo de pinhão e cremalheira.

O sistema de freios é hidráulico a vácuo, duplo circuito, disco ventilado na dianteira e tambor na traseira com sistema ABS nas quatro rodas e EBD.

NOVA RANGER DESERTO

Tanto a opção de cabine simples como a cabine dupla tem comprimento total de 5.351 mm, a largura total com espelhos é de 2.163 mm e a distancia entre os eixos é de 3.220 mm. Com altura livre do solo de 201 mm, o ângulo de entrada é de 28º e o de saída 26º. E a caçamba tem capacidade volumétrica de 1.800 litros (cabine simples) e 1.180 (cabine dupla). E a capacidade de carga varia de 1.219 kg (diesel simples) a 1.092 (diesel cabine dupla). A versão flex transporta 1.457 (cabine simples)/ 1.341 kg (cabine dupla).

NOVA RANGER DESERTO 1

Todas as opções são equipadas com ar-condicionado, travas elétricas, coluna de direção ajustável, chave canivete e rodas de aço de 16 polegadas.

São várias as opções de acabamento e motorização, leia abaixo os preços sugeridos para a Nova Ranger que a Ford inicia as vendas em agosto:

Cabine simples XLS 4X2 manual: R$ 61.900

Cabine dupla Flex 2.5 XLS 4X2 manual: R$ 67.600

Cabine dupla Flex 2.5 XLS 4X2 manual com ESP: R$ 75.500

Cabine dupla Flex 2.5 Limited: R$ 87.500

XLS Diesel cabine simples, tração 4X4, câmbio manual: R$ 97.900

XLS Diesel cabine dupla, tração 4X4, câmbio manual: R$ 106.900

XLT Diesel cabine dupla, tração 4X4, câmbio manual: R$ 114.900

XLT Diesel cabine dupla, tração 4X4, câmbio automático: R$ 120.400

LTD Diesel Cabine dupla, tração 4X4 automática: R$ 130.900

Nova Ranger Diesel para frotistas, cabine simples e motor 2.2L, preço inicial: R$ 77. 900

NOVA RANGER (31)

A Nova Ranger integra o projeto ‘One Ford’ que tem por objetivo produzir veículos globais em todas as suas unidades produtivas. Passou por testes na Ásia, África, América latina, consumiu investimentos no valor de US$ 1 bilhão e será comercializada em mais de 100 mercados.

Postar um comentário