domingo, 23 de setembro de 2012

Aceleradas: GP Cingapura – De noite todo gato é pardo!

209279Vettel vence a única corrida noturna da temporada, aproxima-se perigosamente de Fernando Alonso e Felipe Massa faz excelente corrida de recuperação

Por: Edison Ragassi

Nos treinos classificatórios para o GP de Cingapura, o inglês Lewis Hamilton (McLaren) esbanjou competência, pois fez a melhor volta duas vezes. A surpresa ficou por conta de Pastor Maldonado (Williams), que conquistou a segunda posição no grid.

209230

Decepção para os brasileiros, Felipe Massa (Ferrari), com um tímido 13º lugar e Bruno Senna (Williams), que bateu no treino, quebrou o câmbio e foi obrigado a largar na última fila. Com exceção do inglesinho abusado da McLaren, que parecia dirigir um carro muito superior, os outros estavam muito próximos, o que prometia ótima briga pela segunda posição. Dada a largada, os ‘gatos’ começaram a se diferenciar, ai foi fácil reconhecer os prateados, azuis, vermelhos, brancos e até os pardos!

Como era de se esperar Hamilton manteve a ponta, mas Maldonado não resistiu aos ataques de Sebastian Vettel (RBR) e Jenson Button (McLaren). O venezuelano passou a ser pressionado por Alonso. Eles permaneceram assim, até a primeira rodada para troca de pneus.

Enquanto Senna ganhou várias posições, Massa teve um pneu furado, caiu para a última colocação e precisou andar rápido, o que ele fez com muita vontade. O brasileiro dirigiu de maneira bem agressiva até chegar na zona de pontuação.

209355

Ele e Senna protagonizaram um dos momentos mais emocionantes da corrida. Massa foi pra cima, Senna defendeu-se e quase jogou Felipe no muro, porém o piloto da Ferrari conseguiu desviar seguiu em frente, deixando o carro da Williams comendo poeira. A manobra foi avaliada pelos fiscais, mas não resultou em punição.

209324

Em uma corrida longa, ela terminou depois de 2 horas e não no número de voltas, Hamilton abandonou com problemas no câmbio e o safety car entrou na pista duas vezes. Na primeira por causa de Narain Karthikeyan (Hispania) que acertou o muro e na segunda porque Michael Schumacher (Mercedes- GP) acertou a traseira do carro de Jean-Éric Vergne (STR). Com os carros colodos novamente, Maldonado abandonou e Alonso aproximou-se do pelotão da frente.

209331

Após assumir a liderança, Vettel não foi incomodado por Button que também não sofreu pressão de Alonso, assim os três subiram no pódio. Já Massa terminou em oitavo e Senna, após lutar com Mark Webber (RBR) pela 10ª posição, abandonou com problemas em seu carro.

Marcaram pontos no GP de Cingapura

1º - Sebastian Vettel

2º - Jenson Button

3º - Fernando Alonso

4º - Paul Di Resta

5º - Nico Rosberg

6º - Kimi Raikkonen

7º - Romain Grosjean

8º - Felipe Massa

9º - Daniel Ricciardo

10º - Mark Webber

No campeonato, Fernando Alonso soma 194 pontos, Vettel aparece em segundo com 165, Kimi Raikkonen (Lotus) está em terceiro, ele tem 149 pontos, o abandono custou caro para Hamilton, pois caiu para o quarto lugar com 142 pontos.

209234

A McLaren é o melhor carro em performance, mas a Ferrari é o mais confiável, porém não tão rápido. A RBR parece que retomou o caminho da vitória, estaria o terceiro titulo de Alonso ameaçado? Acredito que não, pois o espanhol é o melhor piloto em atividade e consegue tirar no braço a diferença para os rivais, sem contar que tem muita sorte.

Prepara a pipoca, pois a próxima etapa acontece no Japão, circuito de Suzuka, dia 7 de outubro e será transmitida para o Brasil de madrugada.

Rapidinhas

Sem pontos, mas uma boa corrida

Bruno Senna não esperava muito em Cingapura. Apesar de abandonar quando estava em 11º, depois de largar nas últimas posições, mostrou que já está bem acostumado na categoria. "Considerando os problemas que tive, acho que fiz uma boa corrida. As primeiras voltas foram complicadas, mas pude fazer ultrapassagens e manter um bom ritmo", declarou. Agora só falta ao brasileiro acerta-se com as classificações, pois largando na frente tem menos chances de se meter em confusões!

Titulo ameaçado?

Fernando Alonso sabe que não pode perder o foco e a liderança dentro do time. Assim já cobrou publicamente mais empenho da Ferrari."No final deu tudo certo hoje. Mas, com certeza, não podemos seguir assim. Não será sempre que meus rivais abandonarão a corrida. Precisamos melhorar, principalmente nos treinos classificatórios", afirmou o espanhol líder da competição.

Voltando a ser competitivo

Esta indefinição da Ferrari em renovar o contrato de Felipe Massa força o brasileiro a mostrar serviço. Ele esta andando muito bem e aprendendo a fazer corrida de recuperação. Depois de ter um pneu furado na primeira volta, foi para a última posição e terminou em oitavo. "Parecia que eu estava guiando um carro diferente. Mesmo no final, eu continuei forçando em busca de mais posições e somente nas últimas duas voltas decidi segurar um pouco para garantir a colocação", declarou depois da prova.

Postar um comentário