sexta-feira, 25 de abril de 2014

Novo motor Ford 1.0L de três cilindros


O propulsor 1.0 3C Duplo Comando Flex de três cilindros, o qual será utilizado no Novo Ka hatch e sedã tem três cilindros, quatro válvulas em cada um deles e duplo comando independente variável (TiVCT). É montado em bloco de ferro fundido. A taxa de compressão é de 12:1, para a partida a frio, conta com um sistema que aquece o combustível flex no injetor, conforme a necessidade e dispensa o reservatório auxiliar de gasolina (tanquinho).

O coletor de escape é integrado no cabeçote, seu sistema de resfriamento é dividido, o que permite o aquecimento mais rápido. Quando ele está frio, um segundo termostato integrado ao bloco limita o fluxo de refrigerante para algumas partes e depois libera o fluxo.
O novo motor tem correia dentada imersa em óleo, produzida em composto de borracha resistente a óleo e reforçada por cabos, ela fica alojada em um compartimento dentro do motor e não exige verificação nem manutenção pelo período de 10 anos, ou 240.000 km de uso. 

Este propulsor gera potência de 85 cv (E)/80 cv (G) a 6.500 rpm e torque de 10,7 kgfm (E)/ 10,2 kgfm (G) a 4.500 rpm. Entre a construção da fábrica e o desenvolvimento do motor, a Ford investiu R$ 400 milhões, ela integra o processo de expansão da manufatura global da Ford.
Postar um comentário